Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MAL-ESTAR

Agem em mim malignas influências...
Urge saciar a sanha que devora
Gulosa minha mente e que deflora
Uns restos que mantive de inocência.
Se todos têm a ânsia em que eu vivo,
Também devem guardar as aparências,
Ocultando a grotesca putrescência
Da degeneração da qual derivo.
Onde passo, meu triste vulto esquivo
Se torna alvo do asco e do desprezo...
Adestrado no Pecado e também preso
Na lógica das coisas diabólicas,
Jovem ainda sou, porém já sinto
O apetite genético do instinto
Secando minhas fontes metabólicas!
B S Pereira
Enviado por B S Pereira em 10/07/2005
Reeditado em 03/10/2012
Código do texto: T32744
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
B S Pereira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 31 anos
10 textos (3975 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:25)
B S Pereira