Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LABIRINTO? PRECIPÍCIO?

Labirinto pode ser precipício,
mas pode ser também o início
de uma grande descoberta...

Tudo é uma questão de coragem,
saber a hora certa de atravessar
por essa porta aberta, atendendo ao convite...

Atiro-me no vazio
e me percorre um calafrio
que deixa a alma alerta, voando insegura.
Direção incerta?... Quem me responde?
Onde? Onde? Onde? -  me pergunta o eco de volta...
E depois se esconde.

Um frio me percorre a espinha,
mas já é tarde, e sei
que não existe mais caminho de volta.

Labirinto? Precipício?
Não, apenas aventura.
E ventura, essa dádiva de se lançar, de ousar,
e de descobrir
que se perder é uma outra forma de se achar.
E que partir é um outro jeito de chegar...

(inspirado no poema LABIRINTO, de Tarcísio Zacarias dos Santos, aqui do Recanto)

José de Castro
Enviado por José de Castro em 01/01/2007
Reeditado em 08/05/2015
Código do texto: T333357
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José de Castro
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 69 anos
2301 textos (684352 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/07/17 15:58)
José de Castro