Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REVELAÇÃO INTIMA

Não lhes contarei
Toda a Verdade
Pois sabem de mim
As auroras e os ocasos
As horas de lucidez
E Paz

Há certo vislumbre
De Plenitude no meu olhar

Ai de colhê-la duma só vez
E de súbito tornar-me
Relato fiel decantado em versos

Não lhes darei
A exata medida do meu pranto
O manancial íntimo do meu anseio

Dar-lhes-ei
O arco-íris do após
O dia ensolarado
Afinal tudo é sempre
Vida morte e vida

Dar-lhes-ei
Esses grandes espaços
Tolhidos entre os laços
Do Oriente ao Ocidente

E meu coração
Assim não cabe mais
Senão em vós


Jean Pierre Barakat
Enviado por Jean Pierre Barakat em 05/02/2005
Reeditado em 22/01/2013
Código do texto: T3479
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jean Pierre Barakat
Fortaleza - Ceará - Brasil, 53 anos
111 textos (4960 leituras)
1 e-livros (96 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:19)
Jean Pierre Barakat