Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sem Querer

Sem querer inventei o amor.
Não como dizem que é o amor...
A flor que machuca
Em vez do espinho
Que ameiga.
O amor de imagens quebradas,
No espelho rachado,
Em chamas ardentes.
O amor de desejo contido,
Qual cactos em flor.
Foi sem querer, sim...
Que inventei o amor!
Agora, só me resta...
Amar.
Paulo Orlando
Enviado por Paulo Orlando em 18/07/2005
Código do texto: T35543
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Orlando
Cabo Frio - Rio de Janeiro - Brasil
173 textos (4999 leituras)
5 áudios (454 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:45)
Paulo Orlando