Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Novembro

Todas as vezes que me pego a pensar em você,
Fecho os meus olhos e começo a meditar com saudade,
De tudo o quanto fizemos, mas não houve felicidade.

Minhas mãos sempre escreveram versos tristes e alegres, porém
Neste dia não sinto nada a não ser um tremendo vazio no coração.
Já me embreaguei, já sofrí e chorei.
Pensei também em não voltar, porém a volta é um caminho criado,
Para aqueles que estão marcados a morrer de amor.

Ou morrer de amor....
WILSINHO ABECE
Enviado por WILSINHO ABECE em 23/07/2005
Reeditado em 23/08/2009
Código do texto: T37150

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
WILSINHO ABECE
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 53 anos
33 textos (2209 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:36)
WILSINHO ABECE