Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Minuto de Lembranças





Ela se flagra
No refúgio do quarto
Sob o véu do escuro
Sem ninguém
Sem o amor que ela entornou
Ela tornou a chorar
Sem que ninguém veja
Como desdizer o final?
E os sinais?
Ela que conheceu o amor
E desmereceu um poema
A despedida
A metade perdida
Por que da noite fez-se o dilema
Ela que sofre tanto
Sem manto, sem pele
Ela que chora
Lembrando
Sem querer lembrar
Como esquecer o gosto desse amor?
As carícias
A segurança que sumiu
Ela sozinha
E as letras fazem rever
O quarto batizado
Ela lê como poetisa
Então compreende as letras
Repassando os dias
O amor que dormiu
E camuflou-se no peito
Ela ainda sente
Os corpos colados
Os beijos prolongados
Ela lembra
Acorda o amor pra ele sonhar
Ela coberta de versos
Linda como no sonho do poeta
Amada como humana
Beijada como mulher
Apenas amor
E o resultado de tudo
A inspiradora e o inspirado
Eternamente apaixonados


Felipe Melo
Enviado por Felipe Melo em 11/02/2005
Código do texto: T3984
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Felipe Melo
Recife - Pernambuco - Brasil, 35 anos
38 textos (3517 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 19:07)