Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noite!

Noite! Poema e canção.
Noite! Cólera e dor.
Divina noite estrelada,
com negros cachos em flor

Amo-te! Tanto,tanto.
Cada canto dos seus encantos,
descrevendo  versos meus.
Amo a paz que bela serena,
quando reluz em meus olhos:
Os mistérios que são teus.

Amo-te! A cada engano.
Quando em cena, minha ilusão
se desfaz em pranto, trevas,
da sua própria escuridão.
E num instante, voltas
  a luminosidade.
No piscar de uma estrela
que vagueia em sua plenitude,
a deslizar dedos confessos.
Distante de ser poeta
sem teus versos.
                                                       


       Branca Tirollo
limaodoce
Enviado por limaodoce em 03/08/2005
Reeditado em 12/10/2008
Código do texto: T39956
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
limaodoce
São Paulo - São Paulo - Brasil, 61 anos
147 textos (10355 leituras)
4 áudios (215 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 06:58)
limaodoce