Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O buquê-de-noiva

voa no brincante da festa.

Dribla arestas
e um pequeno ramalhete se apressa.

A mão ágil da senhora o atravessa.
Feliz, o agarra.

Lépida,
conta  hastes,
conta pétalas.

Em seu calendário conta
quantos dias lhe restam.

Sua mente sorri
e a seu corpo faz girar.

No brincante da festa,
a senhora não tem pressa.

Dribla no tempo as arestas
e em sua face desperta
a cumplicidade da mão

que no ramalhete,
as hastes aperta.













Rocio Novaes
Enviado por Rocio Novaes em 08/08/2005
Código do texto: T41336
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rocio Novaes
Curitiba - Paraná - Brasil
203 textos (55083 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:51)
Rocio Novaes