Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor

No fundo dessa feia madrugada
Me afundo totalmente em desalento,
Esqueço do sentido da risada,
Só sei da utilidade do lamento.

O vácuo me dedica esse momento:
Conforto-me esta noite com o nada,
O nada que mandou meu pensamento
À beira da tristeza e da piada!

Espero que um dia eu enlouqueça
Pra que essa madrugada eu esqueça
Oculta em minha antiga sanidade.

Espero que um dia eu aprenda
Que o verdadeiro amor é uma lenda
Criada para o vácuo produzir.
      06/03/05

Bruno Philippsen
Enviado por Bruno Philippsen em 25/08/2005
Código do texto: T44986

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Bruno Philippsen. E-mail: bruno_ph2@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Philippsen
Passo Fundo - Rio Grande do Sul - Brasil, 31 anos
82 textos (5084 leituras)
2 áudios (67 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:15)
Bruno Philippsen