Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DIA-A-DIA


Prego um botão na camisa,
Desligo a televisão
A vida é dura, não alisa,
É fogo ganhar o pão

Seguro a força da crise
Trabalho, busco e não tem
Não há ninguém que me avise
De onde o dinheiro vem

Cheiro um botão de uma rosa,
Agarro a barra da flor
A vida é bem dolorosa,
Não há quem aguente esta dor

Pego uma caneta e escrevo
Um bilheitinho sem fim
Com um lápis preto descrevo
Que meu carinho é assim

Vou simplesmente vivendo,
Sem pretensão de mudar
Meu dia-a-dia moendo,
Como uma roda a rodar


Fernando Tanajura
Enviado por Fernando Tanajura em 27/08/2005
Código do texto: T45562
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Fernando Tanajura). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fernando Tanajura
Estados Unidos
1466 textos (154739 leituras)
1 e-livros (154 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:00)
Fernando Tanajura