Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema Estranho

Prefacio:
Entre a poesia e fantasia
Ou sobriedade e realidade
A vida nos impõe uma escolha
Mascara-te de Quixote
Ou veste-se de Sensatez

Introdução:
Uma coisa é uma coisa
Outra coisa é o que acho dessa coisa
Jamais escrevo sobre coisa alguma
Escrevo alguma coisa sobre minha idéia
De qualquer coisa

Estória:
A realidade possui muitas verdades
(na verdade, falta no mundo realidade
para suas tantas verdades...)
Mas cada vida conhece apenas duas realidades
A dos outros e a que lhe é própria
 
Tanta divagação
Há de perdoar o amigo leitor
Mas é que para se falar de profissão
É preciso conhecer sua vocação

Se queres conhecer as coisas da realidade
E  a realidade das coisas
Sê bem vindo ao mundo dos Tolos!
E entre tantos cegos e loucos
È mister que seja cientista

Agora se o que lhe apraz
É  sofismar
É melhor não tardar
Ponha o coração a sonhar
E a pensamento a rimar

Conclusão:
Eiaa! Cuidado que o mundo
Não é mais que um moinho
E mais vale nessa vida ser
(entre tanto napoleões e cesars)
Ser Quixote
macolucci
Enviado por macolucci em 11/09/2005
Código do texto: T49638
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
macolucci
Maringá - Paraná - Brasil, 33 anos
11 textos (1148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:17)
macolucci