Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma Rua Pacata Chamada Brasil

Aqui passam bicicletas velhas, carros importados,
homens descalços, crianças amedrontadas,
palhaços, gente chorando, cantando,
gente mentindo. Mulheres sinceras,
mulheres guerreiras, sofridas.
Também as trapaceiras.

Passam pipoqueiros, festas juninas, lua cheia,
lampião. Sol ardente, tempo quente,
inverno e solidão.Passam mendigos,
papagaios, andorinhas, gaviões.
Passam também as desilusões.

Passam nuvens de fumaça, aviões, mares,
navios estrangeiros, diplomatas,cidades
e capitais.De tudo passa um pouco.
Nocivos, perigosos e loucos.

Passam crianças pedintes, mauricinhos,
prostitutas, ventania, temporais, lixeiros,
padeiros, vendedores,bicheiros,
Folias dos carnavais.

Passam os anos, a coragem, a dor,
o medo, o terror.Passam rios,
balas perdidas, o sono.
Pessoas corrompidas.

Passam riquezas, ladrões, drogas.
Até disco voador e astronautas.
Passam vidas passadas,
águas poluídas, magoadas.

Passam governos, juizes, paixões,
dissabores, almas penadas,
vagões. Passa o tempo,
e reis desatentos.

Deixando que passe,
e atravesse o mar:
Amazonas.


    Branca Tirollo
limaodoce
Enviado por limaodoce em 14/09/2005
Reeditado em 12/10/2008
Código do texto: T50275
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
limaodoce
São Paulo - São Paulo - Brasil, 61 anos
147 textos (10355 leituras)
4 áudios (215 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:22)
limaodoce