Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Baú de poesias
Deixo para você,
que não sabe o que é luz
mas que reluz num sopro de vida,
palavras que brilham.
Leves, gostosas, rimosas:
lua-fogueira-chama,
sol-flamejo-neon,
lume-estrela-flama.

Deixo para você,
que não sabe o que é cor
mas que colore tardes cinzas de dor,
palavras que tingem.
Leves, gostosas, rimosas:
azul-lilás-dourado,
verde-violeta-cian,
carmim-púrpura-rosado.

Deixo para você,
que não sabe o que é canção,
mas que toca com seu coração
baladas de esperança,
palavras que encantam.
Leves, gostosas, rimosas:
crepúsculo-oásis-corais,
ondas-sereno-mar,
brisa-relva-coqueirais.

Enfim, deixo para você
meu filho, que não sabe
o que é magia,
mais que palavras macias,
meu baú de poesias.
Alaide Santos
Enviado por Alaide Santos em 16/09/2005
Reeditado em 22/09/2005
Código do texto: T50938
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alaide Santos
São Paulo - São Paulo - Brasil
58 textos (5148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:39)
Alaide Santos