Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Viver e Amar

De quantos mundos precisaria para erguer novos sonhos
Mundo tão grande e tão vazio
Minha vida em alpendres
Em gaiolas abertas
Portas tortas
Sinuosa passeio rente ao mar
Entre solventes devaneios a tarde pra amar
E ler seus olhos que não cabem no mundo
E ler seus lábios no âmago profundo
Me vonto incerta pra estrada deserta
Da casa que abre e recebe a ventania
Vazia a taça
Licor da agonia
Da noite que voa acima dos primeiros segredos
Um amor que nasce já tarde
Como num tempo em que só o amor ressuscita
Amor, palavra aflita
No peito do ente que mente
Que omite sua eterna condição - amante
Pra que o amor quebre com as ondas
Pra que a vida mereça oferendas
Nada mais basta que viver e amar
Alyne Roberta Neves Costa
Enviado por Alyne Roberta Neves Costa em 26/02/2005
Código do texto: T5216

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar a autoria de Alyne Roberta Neves Costa). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alyne Roberta Neves Costa
Salvador - Bahia - Brasil, 45 anos
28 textos (2615 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:22)
Alyne Roberta Neves Costa