Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

É DOLORIDO REVIVER


 
O estupim dilacerando o ar
a bala entrando peito
rasgado carne
sangue escorrendo
pará se o tempo,
olha se a mão suja de sangue
e procura onde esta localizado
a bala perdida que varou o peito
pensamento se esvai
passos correndo para se salvar
sangue descendo roupa
sujando e mesclando o branco de vermelho
vida que se esvai lento.
Nada doe , o dilaceramento esta ai
aberto, ao lado  do peito,
coração bate e bala passa.
Milagres existem.
Sim ... existem.
Hoje marcas apenas de um dilacerar,
um rasgar peito,
uma dor incontida depois de horas
e a vida vivida sendo jorrada
foi renascida pela primeira vez
como Fênix e depois muitas
mortes vieram
e eis me aqui
viva a dizer
Reviver realmente é dolorido
minha amiga.
 
zelisa camargo
18.02.05
22.26
 
ZEL
Enviado por ZEL em 01/03/2005
Código do texto: T5410
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZEL
Aparecida de Goiânia - Goiás - Brasil, 69 anos
311 textos (33939 leituras)
8 e-livros (803 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 06:17)
ZEL