Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"AMOR ENTRE O MARUJO E A SEREIA QUE SE FOI:2"

Marinheiro que se preze,
Não precisa de verdade chorar...
Olha bem do seu NAVIO ,
A SALGADA - DOCE água do MAR ...
E, HOMEM que se preze ,
Não faz alarde não ...
Mesmo quando é para raptar ,
MULHER de seu CORAÇÃO!
E, SEREIA que agora sou ,
Gosto mesmo é de LIBERDADE ...
Até mesmo para AMAR ,
O meu AMOR de VERDADE !
Mas, de verdade eu sei ,
Que, as grades de seu coração ,
São grades doces, e quentes ,
Vou amá-las de PAIXÃO !
Marujo, olha pro CÉU ,
Veja se enxerga a LUA!
Se de onde  estiver , enxergá-la ,
Verá nela uma SEREIA ,
Estará ela todinha NUA???


                         19/01/2005 - 13:01
GRAÇA da PRAIA das FLECHAS
Enviado por GRAÇA da PRAIA das FLECHAS em 01/03/2005
Código do texto: T5489

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (não a modificar em nada ,Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
GRAÇA da PRAIA das FLECHAS
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
538 textos (132806 leituras)
36 áudios (30818 audições)
1 e-livros (167 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/16 09:07)
GRAÇA da PRAIA das FLECHAS