Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sete minutos de um novo dia


Não sei se há verdade no que escrevo...
Se tenho a razão na minha poesia...
Mas, nem sei mesmo o que é verdade...
Quem sabe?
Não sei se minha loucura
Matará o mundo ou,
O livrará da venenosa sanidade daqueles
Que acreditam saber.
Não sei.
Mas sei.
Sei que não posso calar
Essa voz que grita em mim.
Essa energia que movimenta minha mão
Sobre esse papel.
Essas idéias e sentimentos que me atacam,
Que não me deixam dormir.
Meu corpo está cansado...
Poetas deveriam ser alma.
Somente alma.
Não sei onde está o erro,
Ou se há o erro.
Nada sei além
Dessa certeza de que não posso calar,
Não posso dormir,
Não posso ser apenas
Mais um covarde do mundo,
Abafando e sufocando
Essa tempestade que há em mim.

Cinthya Danielle dos Reis Leal
Enviado por Cinthya Danielle dos Reis Leal em 04/03/2005
Código do texto: T5636
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cinthya Danielle dos Reis Leal
Petrolina - Pernambuco - Brasil, 40 anos
165 textos (72745 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/16 10:28)
Cinthya Danielle dos Reis Leal