Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR ...PALAVRAS....APENAS PALAVRAS


 
 
Amor palavra que não se exprime,
por mais que tentamos dizer
nunca conseguiremos atingir sua amplitude
sentimos n\'alma o êxtase
como a viajar em nuvens serenas
dispersas nesse imenso universo
livre como as águias
como o vento que sem rumo segue
sue percurso cada hora para um lado
indistintamente, livremente
somente procurando ser o amor
o momento de ser
e sendo em plenitude.
 
 
Não pede passagem e nem licença para adentrar
em nossa vida
chega manso, ligeiro, atroz, sugaz
tomando nosso ser em devaneios
e em loucuras nos encontramos a bailar
nessa suavidade do seu encanto
que entorpece todos os nossos sentidos
deixando nos em delírios
em sublimidade que nem conseguimos
respirar com calma
mas a ânsia do querer viver
cada dia mais esse momento sublime
dessa chegada inesperada
desse amor
que é pura vida
e sangue a pulsar  forte em veias.
 
´É entrega total de corpo e alma
um interagir sem nunca querer apartar
mas cada vez mais se doar
o sentir, o prazer, os desejos,
os êxtases, a candura
a meiguice do olhar que penetra e
em lágrimas escorre de tanto sentir
do profundo e imenso ser que somos
amor... apenas amor.
 
 
Impossível conter o que vem d\'alma
quando nosso todo em miragens
sonhos sonhados
no acordado ou adormecido
sentimos esse amor que invade
nossa essência
nos levando a delírios
a caminhos nunca percorridos
mas desejados no mais profundo do nosso ser
Ah! doce amor dos amores
incontidos e impossíveis
mas vividos intensamente dentro de nós
em tua eterna busca
de um pouso onde possa
repousar tua cabeça cansada
de tanto vazios
tantas inutilidades
desencontros
passos perdidos
ilusões jogadas ao leu
Ah! amor que sei existir,
pois o sinto vivo em min
latente por ti
pedindo passagem
para chegar
e nunca mais se apartar
desse teu colo
magistral
dessa alma que é minha vida
meu pranto no calado de mim
nos versos que canto
nas palavras que digo mesmo
nas brincadeiras
mas que no fundo é apenas
um amar você em todos
os momentos de minha vida.
 
- Zelisa Camargo -
ZEL
Enviado por ZEL em 12/12/2004
Código do texto: T582
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZEL
Aparecida de Goiânia - Goiás - Brasil, 69 anos
311 textos (33908 leituras)
8 e-livros (802 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/09/16 20:48)
ZEL