Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cintilam Pensamentos


Calor subindo ao peito
Diz fraca ser
Por querer gostar sem medo.

Existencialistas, aonde vou constato
Na culpa, a perda de tempo
Impresso nos cabelos aquilo que és nos excessos

Iludir é resguardar ao outro
o esconderijo onde moras
Vida leve em solta ser

Mergulhadas na penumbra
flores doentes se asfixiam
Navegam pensamentos alheios.

II

Abraçamos um bem estar de instantes
Ímpetos de alegria
Vigorando cor,verde viço e frescor.
Rimos da noite prateando a terra com sua luz singular.

Certeza alguma. Nada!
Nem bem sonho e nunca lembro
Espelho molhado embaça certeza.
Poupe-me !
Qual é repolho, sorrindo?
Verde calmo em mar de verduras.










Neuza Ladeira
Enviado por Neuza Ladeira em 23/08/2007
Código do texto: T619769

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Neuza Ladeira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 67 anos
259 textos (4919 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/10/17 17:33)
Neuza Ladeira