Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"SEMENTES DE AMOR"




Se eu pudesse, comporia versos
com a luminescência de muitas estrelas...
Sendeiro precursor que me indicasse
como chegar a ti...e se antecipasse
iluminando a senda.

Se eu pudesse, meu amor, faria versos
retinidos como os sinos, plangentemente...
Tingidos das elegias falidas,
das quais minh'alma é vertente!

Se eu pudesse compor, das preces,
que elevo  ao Criador... tais versos,
por si mesmos criariam o poema!...
Epopéia das sementes de todo amor latente!
Sementes maduras do amor,
que nos demos, devotadamente.
Sementes verdes do amor
que não teve tempo de amar,
por isso, chora, inconsoladamente.

Se eu pudesse compor...Mas não posso!
Tanto de meu amor,verdes sementes, jazem ao paço,
dormem em sua latência, imanifestas!
Saga que não se completou em verso

do nosso amor, todo o universo!

Maria  Mercedes Paiva



 
Maria Mercedes Paiva Paiva
Enviado por Maria Mercedes Paiva Paiva em 26/10/2005
Código do texto: T63777
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Mercedes Paiva Paiva
São Paulo - São Paulo - Brasil, 66 anos
76 textos (4411 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:26)