Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Seda e Veludo

Ela chegou bem sorrateira,
E passou pelo meu mundo um instante,
Olhos negros, cabelos em esteira,
Me fez mudar o semblante.

Me prendeu em teu sorriso,
Colocou algemas no desejo,
E não deixou nenhum aviso,
Em disfarce jogou um beijo.

Foi saindo pela tangente,
Me provocando com um olhar,
Me hipnotizou de repente,
Sem chance pra se tentar.

Fiquei inerte entre a razão,
A pensar meio inibido,
Ao sentir uma sedução,
Naquele corpo esculpido.

Olhos lindos em seda e veludo,
Boca perfeita o meu desenho,
Um cantar em tom agudo,
A cana doce do meu engenho.

O meu sol que se entrega a noite,
Minha lua vista da praça,
Um chicote em pleno açoite,
O cheiro erótico da caça.

Quero desvendar teu segredo,
Ter teu código e a magia,
Vou embalar feito um enredo,
Completar horas vazias.

Preciso ser mais valente,
Se não me apaixono de jeito,
Pois tenho sido inconseqüente,
Brigando com o próprio peito.

Tenho medo da ilusão,
Sei que é uma arma perfeita,
Uma mulher tem sedução,
Um recalque quando se deita.
maninhu
Enviado por maninhu em 04/09/2007
Código do texto: T638889

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
maninhu
Rondonópolis - Mato Grosso - Brasil, 53 anos
895 textos (5312 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 03:35)
maninhu