Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POEMA PILOTO MANISFETO DO INTERESSE

A direção às vezes curva-se
e nela o interesse pelo caminho,
por vezes torto eu me deparo com
alguma razão e por ora
ausente encontro a solução.

Manifesto o interesse pelo
meu próprio desinteresse e chamo-o
de alguma arte que ainda não sou,
a saber, descubro de mim algo que
ainda não tenho, verso contido no
meu segredo até mesmo para mim.

Transcrevo a direção entre o
fato e o fardo do fato,
daí, retiro o que em mim requer
mais cuidado e arremesso ao ar
em direção do mundo.

O poema, meu manifesto do interesse
pelo desinteresse, que norteia algum
falso caminho que impregna os sons
de todas as verdades das quais necessito,
um trambolho de coisas em luzes e formas
que identifico e caleidoscorpo-me assim.

 
Cesz de Souza
Enviado por Cesz de Souza em 13/09/2007
Código do texto: T651425
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cesz de Souza
Salvador - Bahia - Brasil, 33 anos
2 textos (46 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 08:50)
Cesz de Souza