Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto do Poeta sem Palavras

Não quero e não vou me calar,
Também não pretendo me esconder,
Entre as palavras irei desejar,
Apenas aprender a viver.

Nesse redemoinho de pensamento,
Vão se embora os sentidos,
Sem tal tamanho conhecimento
Dito o fim dos comprimidos.

Não vou mais me render,
Agora eu quero lutar
Com palavras, sem espada.

Todos tentarão se revelar,
Mas somente minha amada
Minha alma poderá ler.
Eduardo Bonine
Enviado por Eduardo Bonine em 30/10/2005
Código do texto: T65472
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eduardo Bonine
Araras - São Paulo - Brasil, 26 anos
10 textos (464 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:10)
Eduardo Bonine