Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Silêncio"

.
Palavras caladas ecoam no vazio
E eu aqui por um fio
Querendo ouvi-las
Caladas as palavras me dão arrepio
E nesse silêncio
Eu posso senti-las
E tê-las em mim
Palavras que mudas
Só dizem de dor
Palavras caladas
São como mudas plantadas
No chão do desamor
Caladas as palavras
Estão fadadas
A não saciarem a fome
Que calada tudo consome
Palavras mudas palavras
São como pedras atiradas
Quando o amor some

Varley Farias Rodrigues
Varley
Enviado por Varley em 16/09/2007
Reeditado em 16/09/2007
Código do texto: T655485

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Varley Farias Rodrigues). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Varley
Fortaleza - Ceará - Brasil, 53 anos
127 textos (5456 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 04:10)
Varley