Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

COISA ESCURA

Você quer me dizer alguma coisa,
mas esta paralisado pela coisa que nada diz.
Boca muda, boca nula!

E a sua cabeça não se liberta.
Refém de coisas apagadas, berço da noite.
Boca noturna, boca sem lua!

Se a coisa não tem como ser dita,
resta a sua lingua para brincar, torcer e cuspir.
Boca crua, boca nenhuma!

Talvez alguma coisa você perceba.
É só você mastigar e engolir isso que não sabe
boca sua, coisa escura!
Naldo Coutinho
Enviado por Naldo Coutinho em 05/11/2005
Código do texto: T67546
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Naldo Coutinho
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
111 textos (6977 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 21:24)
Naldo Coutinho