Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A essência do amor

Os olhos do tempo são olhos-d’água
Que a fonte dos anos
Destila em horas.
São gotas de sonhos
A emanar a vida,
E a vida dos sonhos
Um sonhar eminente.

A dança dos dias,
Tal diário das virgens
Camponesas de cílios sedosos,
Folheados pelos perpassar da brisa,
Quase carícia dos dedos
Primaveris de uma camélia.

Nesse jorrar de passos
No passar dos anos
A fonte vai secando,
Fantasiada de branco;
Mas o acúmulo das gotas
Não se esvai com a luz
Dos olhos-d’água: evapora-se
Para buscar a essência do amor.
________________________
* Poema da década de 1980.
Maurício Apolinário
Enviado por Maurício Apolinário em 16/10/2007
Reeditado em 16/10/2007
Código do texto: T696083

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Maurício Apolinário
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 59 anos
239 textos (83844 leituras)
1 áudios (54 audições)
5 e-livros (2732 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 12:31)
Maurício Apolinário

Site do Escritor