Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RELATÓRIO AMOROSO

nas partículas que nos assemelharam
os lábios corromperam a virgem tarde!
bastou ir mirando ilusão na óptica vista
e um tanto acima nos jogamos....amor!
fato táctil real foi a transpiração e as digitais
gerar ignorâncias desmedidas deram em gozo
arfar, sorver, mirar, fitar, morrer, derreter...
confundimos fusões e as nossas veias difusas
nas toadas e baladas madrigais de outra esfera...
tudo fomos até aqui, independentes da utopia,
mas se chegar o grande dia de nossa união,
confessaremos o ardor no andar e no quadril
indisfarçáveis dentro e fora para o sentimento,
escandalosos no silêncio de tantas afinidades,


betina moraes
Enviado por betina moraes em 17/10/2007
Reeditado em 06/06/2008
Código do texto: T698134

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
betina moraes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 48 anos
391 textos (3640 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 05:04)
betina moraes