Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VIDA

VIDA

O que é
A vida afinal?
Uma grande
Viagem onde
Seus passageiros
Lutam todos
Os dias para
SOBREVIVER

Sobreviver aos
Trancos e barrancos
Às vicissitudes
Que se apresentam
Implacáveis e cruéis

Uma viagem
De muito poucas
Alegrias e
Tantos dissabores

Somos esses
Viajantes incansáveis
Que têm sempre
A esperança de que
Tudo melhore
Um dia

A vida é como
Um teste constante
Às nossas forças
E como prova
Maior da nossa
Capacidade
Nos cobra a
Nota máxima
Sempre e sempre

E nos esforçamos
Para sermos
Os primeiros a chegar
Aonde, nem sabemos

E não temos
Idéia do que ela
Pode nos trazer
Porque todos
Os dias nos
Reserva surpresas
E usa todas
As armas que
Pode para ver
O quanto ainda
Podemos fazer
E dizer e  sentir

E temos que seguir
Sempre em frente
Porque um dia
Vivido e sobrevivido
Não pode voltar

As coisas que fizemos
Que dizemos, sentimos
E queremos são
Irreversíveis

Não há como
Nos arrependermos
De nada
Porque o que foi
Feito, está feito

A vida é como
Alguém que
Está sempre
Ao nosso lado
Medindo nossa
Paciência e nossa
Compreensão

E ainda nos diz
Com um certo sarcasmo:
“Se vira, porque
Eu quero ver até
Onde você pode ir
E do que é capaz”

E vamos lutando
E cada dia é
Uma nova oportunidade
Uma renovação de
Chances que
Temos de SOBREVIVÊNCIA

A vida se
Compara a uma criança
Teimosa que
Está constantemente
E insistentemente
Nos avaliando
Em tudo que fazemos
E nos olha nos
Olhos para
Ver através deles
A nossa alma
Que cambaleia
Em alguns momentos
Diante de certas
Coisas que nos
Machucam

Mas ela insiste
E nos traz mais
Porque ela mesmo
É saber quem
Somos de verdade

A vida é como
Aquele inimigo
Que pode nos
Dar uma rasteira
A qualquer momento

E pode nos derrubar
Sem misericórdia
Porque pra ela
O que importa
É saber o quanto
Podemos resistir

E às vezes age
Com candura
Nos dando um
Tempo pra respirar
E renovar nossas
Forças abaladas

Pode ser como
Um amigo que
Nos oferece seu
Ombro pra chorar
E que escuta
Nossas lamúrias
E entende nossa
Dor

Mas ninguém se
Engane, porque
Ela vai voltar
A nos testar
E nos dizer:
“Está na hora
De voltar à luta!!!”

E nessa sobrevida
Da vida
Vamos vivendo
E sobrevivendo
Um dia após
O outro
Porque não há
Outra forma
De estar VIVO

Então temos
Que pegar nossa
Bagagem e dizer
A ela: “Vamos logo
Pois tenho pressa
Em chegar!!!”

Os fracos dizem:
“Não suporto mais,
Vou parar por aqui!”
Os fortes dizem:
“Não suporto mais,
Mas vou continuar!!!”

Resta-nos saber
Onde nos enquadramos
Para então
Tomarmos a decisão
Mais certa

E mesmo aos
Trancos e barrancos
Que possamos ser fortes
O suficiente para
Continuarmos

Zair Batalha
21/10/2007
ZAIR BATALHA FERNANDES
Enviado por ZAIR BATALHA FERNANDES em 21/10/2007
Código do texto: T703851
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ZAIR BATALHA FERNANDES
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil, 53 anos
43 textos (2817 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 07:58)
ZAIR BATALHA FERNANDES