Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANIMA

Ariadne,
anima bendita!
Quem lhe abriu a porta?
Quem lhe guiou até os meus dias?
 Por sua demora,
 já não me basta o fio;
 não me basta voltar sobre meus passos.
 Deixe que eu me prenda
 em suas asas...
Conhece, por acaso, a liberdade?
   

 
Ana Másala
Enviado por Ana Másala em 30/10/2007
Reeditado em 12/11/2007
Código do texto: T716393
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ana Másala
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
119 textos (10451 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 03:42)
Ana Másala