Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto

Soneto

Oh, Dilema que martiriza,
Nessa senda duvidosa!
Não venha outra vez me invadir,
Com essa sensação que não posso impedir!

Quando esse sentimento faz prenúncio,
Ponho-me a ponderar:
Vá pra longe de mim, infortúnio!
O porvir, eu preciso resguardar!

E nessa contradição,
Obedeço à voz que fala a razão?
Ou, as ditas do coração?

Qual a solução?
É possível manter em comunhão,
Razão e emoção?

****************************
Ditado pelo Espírito Eduardo Moscovi
****************************
Alisson Duarte
Enviado por Alisson Duarte em 03/11/2007
Código do texto: T721915
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Alisson Duarte
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 29 anos
7 textos (178 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 08:00)
Alisson Duarte