Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Si pudiera borrar a usted de mi vida

Si pudiera borrar a usted de mi vida
yo lo haría pero no lo consigo,
Pido, bórreme usted de su vida
Quien sabe así yo consiga seguir otro camino
Conocer otro amor
Olvidarme de  usted.
Que castigo maldito este mió vivir,
Mendigando cariño rogando por usted.
Pobre de mí, fui quien quería usted,
Infierno en vida es amar quién no te quiere.
No te culpo por mí tormentos
Solamente te pido,
Acabe con todo de un golpe
O no dudes más lo que siento por ti.
Viva conmigo la belleza de este amor
Antes que todo desaparezca
En la oscuridad de la duda de este querer,
Cuando sabemos que nos amamos.
Pensando que no tuviera,
O que ya está dentro del corazón.
De seguir adelante en la búsqueda
De la nada,
Si lo que más queremos y deseamos
Está en nosotros.
"El amor"


Se pudesse apagar você de minha vida
Eu o faria
mas não consigo,
Peço apague você eu da tua
Quem sabe assim eu consiga seguir outro caminho
conhecer outro amor
Esquecer você

Que castigo maldito
esse meu viver,
mendigando carinho
rogando por você.
 
Pobre de mim
fui querer você,
Inferno em vida é amar
quem não te quer.

Não te culpo por meu tormento
somente te peço,
acabe com tudo de uma vez
Ou não duvides mais do que sinto por você.

Viva comigo a beleza desse amor
antes que todo desapareça na escuridão
da dúvida desse querer,
quando sabemos que nos amamos.

Pensando não ter,
o que já está dentro do coração.
de seguir adiante em busca
do nada,
se o que mais queremos
e desejamos está em nós.
"o amor"
Rannyr
Enviado por Rannyr em 07/11/2007
Código do texto: T726660

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rannyr
Garopaba - Santa Catarina - Brasil
25 textos (748 leituras)
3 áudios (173 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 21:19)
Rannyr