Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Medo

* Poesia dedicada ao meu pai no seu dia e publicada na 38ª Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos - ISBN 978-85-60489-27-5 / Agosto 2007

Do que será que temos medo?
Uns respondem: sinto medo de tudo.
Outros dizem: medo, só de algumas coisas.
Alguns falam: eu não tenho medo de nada.

O que será ter medo de tudo?
Só temos medo de tudo,
se não tivermos coragem de enfrentar o que sentimos.
Se não enfrentarmos a coragem, também podemos sentir medo dela.
Por isso, devemos enfrentar tanto a coragem como os nossos sentimentos.

Mas, o que será ter medo de algumas coisas?
É sentir que podemos enfrentar com coragem
tudo o que nos deixa com medo.
Uma outra metade do medo é a nossa falta de coragem
para enfrentar o que nos deixa aflitos.
Então, se procurarmos demais,
acharemos medo em tudo.

E o que será não ter medo de nada?
É simplesmente ter coragem para enfentar tudo.
Sei que no fundo, todos temos medo de algo.
Até eu...

Do que será que tenho medo?
Só tenho um medo: a solidão!
Sozinha tenho medo de tudo,
até mesmo de enfrentar a solidão.
Com você, pai, eu enfrento qualquer coisa...
Isadora Gondim
Enviado por Isadora Gondim em 08/11/2007
Código do texto: T729354
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Isadora Gondim
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 20 anos
2 textos (114 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 05:58)
Isadora Gondim