Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ALUMBRAMENTO (2)

SENTIMENTO

Não deixe que eu viva
com esse ar melancólico
e com essa dor tão compassiva.

MEU AMOR CAIU EM RUÍNA,
PRANTOS QUE VOCÊ ME DESTINA!

Não deixe que eu viva
com essa esperança breve
e com essa saudade esquecida.

MEU AMOR ESTÁ EM COMA,
O VENTO LEVA EMBORA SEU AROMA!

Não deixe que eu viva
com esse desapego
e com essa felicidade despercebida.

MEU AMOR PODE MORRER,
O QUE VOCÊ ME FAZ NINGUÉM PODE FAZER!

Não deixe que eu viva
com essa ilusão
e com essa vontade que me fadiga.

MEU AMOR NÃO AGUENTA TAMANHA CONTENDA!

Não deixe que eu viva
com essa ânsia
e com essa piedade intensiva.

MEU AMOR CONSOME IRONIAS EM SEU NOME!

Não deixe que eu viva
esperando o fim,
quando eu quero recomeçar.
Não deixe que a vida termine, enfim,
com o meu sentimento que é o de LHE AMAR.


.............................................................



ONDE ESTÁ VOCÊ?


À memória da vovó Vera


Onde está você?
Sinto saudade da sua alegria,
dos quitutes que só você fazia.
Mulher de fibra,
amante dos animais.
Tristeza jamais!
Onde está você?
Sinto saudade do seu sorriso,
da sua simplicidade em fazer amigos.
Mulher corajosa,
amante da música,
de personalidade única.
Onde está você?
Sinto saudade do amor que você me dava,
das histórias que me contava.
Mulher humilde,
amante das flores,
lutadora,
apesar dos dissabores.
Procuro lhe encontrar todos os dias,
depois que você partiu.
Não lhe encontro... eu sei...
não posso mais lhe ver, lhe abraçar...
Mas a sua luta pela vida e pela felicidade de todos
deixou, pra mim, o caminho
que devo seguir
e a perseverança que devo ter.
Onde está você?
Eu sei... está em tudo e em todos os lugares,
e dentro do meu coração.


(Com o amor e a saudade da neta Elaine Borghi)



 ELAINE BORGHI
primavera de 2005

ELAINE BORGHI
Enviado por ELAINE BORGHI em 18/11/2005
Reeditado em 18/12/2005
Código do texto: T73089

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor (Elaine Borghi) e o link para o site www.recantodasletras.com.br/autores/elaineborghi). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ELAINE BORGHI
Campinas - São Paulo - Brasil, 42 anos
56 textos (1486 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 06:14)