Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SYLVIA BEACH

SYLVIA BEACH

Irrompe a linguagem primordial na Paris em festa!
O reencontro entre Adão e Eva
et “La belle histoire d’amour”:
Livraria “Shakespeare and Company”,
na década de 20
do século XX;
rue Dupuytren, 8, “erre-revie, pass’Evant notre Adame...”
_ Bonjour, notre madame Evie!
_ Oui, monsieur Lacan!
Na rue l’Odeon, 12, “riverrun, past Eve and Adam’s…”
QueenBeEve, ave de transparentes asas
zum zum zum sobre o céu de Paris
la Muse Bloom.
Who is?
She is Sylvia Beach,
she is Sylvia Dedalus,
grávida de mel e de fel,
na Cidade-Luz!
Ela é a Eva da modernidade,
pois acolhe no ventre o belo e o sinistro:
o imprevisto
“Ulisses”,
e o pari por toda eternidade.
Ela é amérrrricaine! Oui ... Mr. Joyce!
Ela é Penélope parideira, de Paris
des États-Unis;
ela é parideira das errantes letras contemporâneas,
exiladas, oceânicas,
lançadas à beira... bloom!
“roçando a praia”… bloom!
On the beach… bloom!
riverrun…bloom!


Prof. Dr. Sílvio Medeiros
Campinas, é primavera de 2007.
 
SÍLVIO MEDEIROS
Enviado por SÍLVIO MEDEIROS em 15/11/2007
Reeditado em 15/11/2007
Código do texto: T738829

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor (Prof. Dr. Sílvio Medeiros) e o link para o site www.recantodasletras.com.br/autores/silviomedeiros). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
SÍLVIO MEDEIROS
Campinas - São Paulo - Brasil, 61 anos
268 textos (360825 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 04:20)
SÍLVIO MEDEIROS