Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SILENCIADO

Por fim, silenciado,
Recolho-me sutilmente
Tal qual o estrelo valente
Depois de ser transpassado
O meu coração pesado
De afetos que não doei
Nas penas hoje deixei
Pra não mais ser iludido
Pelo desamor bandido
Que ferido acalentei.

...
Obrigado pela visita! Conheça minhas músicas no site www.seuribeiro.com

*************************************** Seu Ribeiro ***************************************
Seu Ribeiro
Enviado por Seu Ribeiro em 19/11/2007
Reeditado em 21/11/2007
Código do texto: T743114

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Seu Ribeiro
Santa Luzia - Minas Gerais - Brasil, 44 anos
66 textos (1245 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 00:53)
Seu Ribeiro