Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu sem ti nela

Minha casa está vazia
E eu sem ti nela
Tendo que me anestesiar
Á tentar suportar
O extremo ardor de sua ausência.

A essência desses momentos
São dias que não têm sol
Noites sem luar
Ver no chão a ciscar
Passáros que não tem vento.

Quando você se foi
A casa ficou sem ti
E eu fiquei tão só
Minha gravata se deu um nó
Agora me resta o depois.

Minha barca está sem vela
Não me doi essa ausência (de coisas)
Nem muito menos esse vazio
O que custa e me faz sombrio
É eu ficar sem ti nela.
Claudio Silva
Enviado por Claudio Silva em 23/11/2007
Código do texto: T748472
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Claudio Silva
Coronel Fabriciano - Minas Gerais - Brasil, 38 anos
49 textos (4386 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 14:31)
Claudio Silva