Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RIO

Sempre acreditei que a vida fosse um rio
Rio calmo e incessante
Sem direção, sem fim
Tranqüilo, ameno, irrelevante

Mas por vezes segui incerto
Por caminhos irregulares, derradeiros
De chorar já formei cascatas
Mas segui forte e aventureiro

Resumi-me em buscar o oceano
E descobri, assim
Que sou o próprio rio...
Que corre em busca do amor...
Incessante e sem fim.
Aline Boeno
Enviado por Aline Boeno em 23/11/2007
Código do texto: T749721

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aline Boeno
Horizontina - Rio Grande do Sul - Brasil, 29 anos
14 textos (559 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:09)
Aline Boeno