Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nome de mulher

Que mulher é esta?
mulher que luta,
mulher triste, falta carinho,
mulher alegre, seu filho lhe beijou.

Que mulher é aquela?
mulher que anda só,
mulher homem, que luta.
Mulher que faz a guerra.

Que mulher é mulher?
são todas que amam,
são elas que amamentam,
são elas que brilham.

São elas humildes, sempre mulher.
São aquelas que levam seus filhos,
são também aquelas que só trabalham.
São mulheres, são mães.

O atraso te preocupa.
Ela fala e grita, depois o beija.
O amor é maior,
só quer o bem.

Que mulher é aquela que anda?
vai à feira  buscar alegria.
Alegria de quem tem fome.
A pobreza não a assusta.

Mulher felina, mulher mãe,
mulher má, mulher amiga.
Por ela choram, por ela brigam,
seu sangue também é do filho.

Mulher de casa, mulher de rua,
todas choram, todas amam,
todas reclamam, todas estão juntas,
pelo melhor, pelo carinho, por tudo.

Mulher de cama, mulher mãe, mulher só,
todas gritam, todas desprezam, todas querem o bem.
Mulher que castiga, mulher solteira,
mulher que usa seu corpo.

Mulher que não tem o corpo,
todas merecem o respeito.
Todas, bonitas, feias, velhas, novas, casadas, solteiras, amantes, companheiras, indiferentes...
todas sem discriminação, são mulheres!

Mulher com a cor do seu desejo,
mulher com a estatura do seu gosto,
mulher com o olhar matreiro,
mulher que trai.

Mulher! onde anda?
sempre procurando,
sempre incompreensível,
sempre difícil.

Mulher esposa,
mulher só companheira,
mulher mãe, mulher minha mãe,
mulher símbolo.

Que mulher é esta?
que mulher é aquela?
são todas elas, mães ou não.
São mulheres que merecem o prazer,
merecem o amor.
Jose Hilton Rosa
Enviado por Jose Hilton Rosa em 24/11/2007
Reeditado em 24/11/2007
Código do texto: T750394
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Jose Hilton Rosa
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
601 textos (10625 leituras)
2 e-livros (362 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 22:54)
Jose Hilton Rosa

Site do Escritor