Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sunday After Rain

A tarde no fim
De um carinho de presente
Onde o tempo é só um divisor de águas
Como a chuva que nos deixam
Tão próximos
Onde não há um vazio por dentro
e a alma repleta de vontades de viver assim
Eterno como as lembranças
Em todos momentos
Mais o que se fazer
Para transpor o abismo que nos divide
Como as estações?
É como se gente não existisse pra esse mundo
Que um dia eu quis ditar as regras
Acreditando dominar o que vai alem das minhas mãos
Você
Nem todas as versões de amor
Vão poder retratar
Mas tudo isso parece ainda tão pouco
Alguns dias
Uma tarde inteira
Num domingo pós-chuva
Cheio da violência das palavras
De quem não sabe nem sequer sentir
Eu também vou achar confuso ao fim
Mas tudo bem
Mesmo assim
Sei que entendes também
Sei que não dá vontade que não chegue ao fim
Entre as nuvens e as estrelas
Do luar nos seus olhos
Transparentes de alegria de criança
Que há tempos não vivia
É essa a linguagem do mundo
Nas palavras que muitos ignoram
Que por medo não vivem
Assim deixando e viver também
Dessa vez eu fugi a intenção
Mas sei que entendes também...
lucas koyaasqatsi
Enviado por lucas koyaasqatsi em 24/11/2007
Código do texto: T750899

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
lucas koyaasqatsi
Abreu e Lima - Pernambuco - Brasil, 39 anos
16 textos (189 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 13:16)
lucas koyaasqatsi