Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rosa Negra

Homenagem a uma velha amiga, que choro ao dizer que agora é parte de meu passado...

Um rosto vazio,
vazio de tristeza,
Tudo mudou,
mudou com certeza

Minha cabeça gira,
ao redor dessa vida.
Sempre na espera
do que vem em seguida.

Olho lá fora,
e vejo no jardim
uma rosa negra
olhando pra mim.
Ela mostra a tristeza
que tomou meu coração,
e também a loucura
que me fez perder a razão.

Uma fantasma do passado,
atormentando esta vida.
Mas tenho certeza,
que um dia
encontrarei a saída.

Tenho certeza
e vou conseguir
E poder sair.

Sair do passado
e viver o presente
Porque dessa vida
me livrarei finalmente

Olho lá fora,
e vejo no jardim
uma rosa negra
olhando pra mim.
Ela mostra a tristeza
que tomou meu coração,
e também a loucura
que me fez perder a razão.

Mas lá no jardim,
ainda vai estar
aquela rosa negra,
a me esperar.

Escrito em 20/04/04 as 10:20 AM de alguém que considero muito especial...

"A dor que traz o adeus
de alguém que vive em meus sonhos
Quero estar mais perto
dessa luz que é seu ohar
no frio da cidade
eu só vejo solidão
A força da bondade
tão distante da ilusão.
Eu só quero tocar em suas mãos,
te ter mais perto de mim
E sentir o abraço teu...
Que esse momento
nunca tenha fim
nem que o vento sopre
enquanto a chuva cai.
E leve pra longe
esses sonhos
não vou ligar
se me machucar.
Não existe o mal
se o sonho é real.
Nem que o vento sopre
enquanto a chuva cai
E leve pra longe esses sonhos...
Nem que o vento sopre
enquanto a chuva cai
Tudo o que eu preciso
é ter você..."

Ainda escuto e lembro de você. E ainda não levo por aquele lado
Sinto saudades de sua amizade, adeus amiga. Foio bom enquanto durou a amizade, mas as estradas viraram outras, e as direções das canções tiveram de ser mudadas pelo vento.
Saibam aqueles que lêem essas palavras que a amizade é muito importante para esse bardo, e o faz cantar e sorrir para o mundo. Ótima viagem a todos nós, e bons aprendizados durante a caminhada...
Bardo de Solia
Enviado por Bardo de Solia em 25/11/2007
Código do texto: T751669

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bardo de Solia
São Paulo - São Paulo - Brasil, 28 anos
112 textos (5145 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 17:38)
Bardo de Solia