Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carne de Sol

Carne de Sol

Não quero que entre por meus olhos
Quero absorver-te hermética,
Sugado pelo umbigo

Não quero que chupe meus joelhos
Nem que me engula em saliva
Quero que cuspa o teu ventre
E que excrete a espinha dorsal
Colossal
Num prato raso, de barro cozido

Não aceito pontuação
Em minha pele ardida
Meu humor cachaça
Exala sorriso suado

Quero regaço al dente
Pimenta vermelha na orelha
Ao sol exposta a carne fresca
de minha flor dália
Secará salgada pelo ardor de todo teu despudor


DaliaTerra
Enviado por DaliaTerra em 29/11/2007
Reeditado em 23/12/2007
Código do texto: T758265
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
DaliaTerra
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 39 anos
4 textos (166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 12:51)
DaliaTerra