Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Confuso Sentimento

PATETICAMENTE DESVAIRADA
NA SOFREGUIDÃO DA PAIXÃO
POR TÍ OH PESSOA AMADA
PRESA NA VASTIDÃO

EU QUE OUTRORA SONHARA
LIVRE,SOLTA A FLUTUAR
HOJE AVE ENCARCERADA
VENCIDA POR TANTO AMAR

DOCE CÁRCERE FLAMANTE
EM TUAS CHAMAS SOU FULGOR
O QUE TENS AMADO AMANTE
PRA ME CAUSARES TORPOR?

EM ESTADO DE INÉRCIA
NO ÁPICE DA EXAUSTÃO
ME SINTO AGORA IMERSA
NUM MAR DE SATISFAÇÃO!
A aaaaaaaaaaa Célia Mares
Enviado por A aaaaaaaaaaa Célia Mares em 01/12/2007
Código do texto: T760048

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
A aaaaaaaaaaa Célia Mares
Jaguaquara - Bahia - Brasil, 53 anos
11 textos (558 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 08:03)
A aaaaaaaaaaa Célia Mares