Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Monólogo

Olhos experientes, vividos,
expressando certo cansaço,
examinam-me
em um misto de curiosidade e tristeza.

Mãos ainda firmes
afagam meus cabelos,
em conhecida e repetida carícia,
descobrindo aqui e ali,
novos fios embranquecidos pelo tempo.

Dedos sensíveis exploram meu rosto,
tateando o acentuado das rugas,
o involuntário franzir da fronte,
os lábios que parecem encolher.

O olhar percorre meu corpo;
notando ombros que insistem em se curvar,
a saliência cada vez maior do abdome,
o tórax que já não parece tão forte.

Os olhos agora invadem minha alma,
perscrutam meu passado,
revivem meus sonhos, meus anseios,
acariciam antigas cicatrizes,
sorriem para eternas alegrias,
reascendem esquecidas esperanças.

Por um momento,
os olhos se fecham,
perdidos em intensa nostalgia....

Então, a lamina desliza suavemente,
abrindo alamedas na brancura da espuma.

Sorrio... a vida é bela!

Carlili Vasconcelos (Kamael)
Carlili Vasconcelos
Enviado por Carlili Vasconcelos em 31/03/2005
Código do texto: T8911
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlili Vasconcelos
São Paulo - São Paulo - Brasil, 67 anos
9 textos (508 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:54)
Carlili Vasconcelos