Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Celebridades

Não sei quem são,
só sei que são alvos de flashes
se luzes, de câmeras...
Febril vontade do saber
Condensa-se sobre camadas calcárias.
De uma luva cor de carne
corre um fio de sangue
Frontispícios que burlam regras
Fragmentos que ganham vida
Elas chegam em terninhos
Azuis, verdes, vermelhos
Mas eles ganham a batalha
Brancos, gris, olivas
Quem disse que a fumaça não causa dor
Cega. Deixa ocos e ecos os olhos
Estigmatiza os neurônios
Os terráqueos se esmagam
Para desvendar o mistério
Os sobreviventes se esforçam
Para vencer o inconsciente
E os vivos celebram
a morte do concorrente.
Alaide Santos
Enviado por Alaide Santos em 30/12/2005
Reeditado em 30/12/2005
Código do texto: T92183
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Alaide Santos
São Paulo - São Paulo - Brasil
58 textos (5148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:41)
Alaide Santos