Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NADA MAIS A DIZER

Rabisquei as últimas palavras,
últimas letras deste imenso amor,
plenas de carinho e de tristeza.
Era meu último bailar,
encerrando delicadamente
este enconro de rara beleza.

Lendo tua mensagem,
preferi engolir, contrariada,
as derradeiras notas
do agonizante amor.
Tua última mentira deslavada
pôs o ponto final
no encontro que foi encantador...
Sal
Enviado por Sal em 16/04/2006
Código do texto: T139987
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sal
Marília - São Paulo - Brasil, 78 anos
507 textos (44783 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:38)
Sal