Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PÁSSAROS QUE TANTO AMO!

Como é linda a passarada
Que vive no meu Brasil...
Logo finda a madrugada
Já se ouve seus trinares,
Seus gorjeios e cantares
Em atividades mil.

São bem-te-vis com seus gritos,
Rolinhas, corrupiões,
Andorinhas, periquitos...
Também gaviões matreiros
De olhos nos galinheiros,
Em busca de refeições.

Pombos cortam o céu de anil,
Maritacas fofoqueiras
E o saltitante tiziu...
Colibris pairam no espaço,
Enquanto isso o sanhaço
Esbalda-se nas fruteiras.

João-de-barro canta alto
Sempre em bom tom de dueto:
Um soprano, outro contralto...
Sabiá canta choroso,
Trinca-ferro, o mais garboso
Passos-pretos em sexteto.

Pintassilgos delicados
Cantam longas melodias
Com seus cantos afinados...
Mas os cã-cãs barulhentos
Causam enormes tormentos
Destoando a harmonia.

Curió, rei do trinado,
Não longe o bicudo e o azulão,
Raros de serem encontrados...
Tem também o cardeal
E o curioso urutau,
Disfarçado no moirão.

Entre todos há harmonia,
Embora tão diferentes,
E nunca há monotonia...
Mesmo sendo confinados,
Em espaços apertados,
Não deixam de ser contentes.
Tião Luz
Enviado por Tião Luz em 23/09/2006
Reeditado em 12/11/2012
Código do texto: T247283
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tião Luz
Poços de Caldas - Minas Gerais - Brasil
97 textos (17009 leituras)
7 áudios (630 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:20)
Tião Luz