Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Antítese



     Peço aos pássaros que cantem por mim
     Pois estou emudecido por tanta beleza
     Não consigo olhar as flores daquele jardim
     Pois agora meus olhos vêem um anjo exalando pureza
     Me sinto tão inútil, tâo incapaz
     Ante a presença desta mulher e seus encantos
     Traz em uma caixa de ouro esperança e paz
     Vejo o seu corpo nu e puro que transparece
     Através do linho branco
     No meu peito a flor branca do amor floresce
     Mas não sou digno de um ser tão especial
     De alguém que o tempo jamais irá destruir
     Sou um pecador, somente um mortal
     Eu apenas olho, ouço e sinto o seu perfume
     Me conformo com o seu sorriso e nada mais
     Deixem a tristeza me consumir.

               
                        Alézio Ladiose

           


     

     
Indiopoe
Enviado por Indiopoe em 23/09/2006
Código do texto: T247334
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Indiopoe
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil, 46 anos
6 textos (182 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:31)