Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

choro d'água

Na chuva que cai...
Nas nascentes jorrando,
Límpida e pura se esvai
Pelos vales serpenteando...

Nos rios, cachoeiras e ribeirões,
Sinuosos entre as colinas e prados
Nas montanhas entre os grotões
Ou nos pantanais alagados...

Atravessando áreas poluídas,
Dos vales profundos do deserto,
Montanhas geladas ou terras áridas,
Continua sempre seu rumo incerto!

E nessa incansável caminhada,
No encontro do mar arrebenta...
Era pura e mansa, agora é violenta,
Era suave e doce, agora é salgada!



Saji Pokeo
Enviado por Saji Pokeo em 11/11/2006
Reeditado em 11/11/2006
Código do texto: T288766

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Saji Pokeo
São Paulo - São Paulo - Brasil
221 textos (38570 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:36)
Saji Pokeo