Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Crepúsculo vespertino


     Se na tua face apresentam
     os sinais do tempo,
     se teu corpo não corresponde
     aos reflexos desejados,

     Não te preocupes com isso.
     Procura viver com ardor
     o que a vida te oferece
     com muito bom humor.

     Busca a alegria
     não te entregues ao desânimo.
     Para cada estação
     existem novos facínios.

     A primavera se enche de flores,
     é tempo de risos e festas,
     O coração palpita de amores
     só alegrias se manifestam.

     O verão é sensual,
     o amor desabrocha ardente
     com o calor sem igual,
     animando a alma da gente.

     O outono é sazonado,
     sua luz e calor
     irradiam para todos.
     Recebe-os com alegria
     e saibas aproveitar.

     É tempo da colheita
     dos frutos da experiência
     viver teus dias de paz
     com amor e harmonia.
     
Zilda
Enviado por Zilda em 22/11/2006
Reeditado em 22/11/2006
Código do texto: T298353
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Zilda
Brumado - Bahia - Brasil, 93 anos
52 textos (10064 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:01)
Zilda