Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Noite

O crepúsculo acontece
Finda a tarde pacata
A floresta escurece
Serpeia uma cascata

Gotejos é uma canção
Canta contos da mata
Contrasta na escuridão
Esplêndida lua de prata

Cheia,entre as folhas
Esconde. Então aparece
E no remanso a bolha
Que brilha, logo perece

O brilho não era seu
Era roubado da lua
Mas que também pereceu
À sombra de uma falua

Rompendo o alvorecer
Mil vozes a meu redor
Anuncia o amanhecer
Os primos raios do sol
Antonio Carlos Duarte
Enviado por Antonio Carlos Duarte em 04/11/2007
Reeditado em 10/07/2010
Código do texto: T723077
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Carlos Duarte
Barão de Cocais - Minas Gerais - Brasil, 57 anos
185 textos (4751 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 11:36)
Antonio Carlos Duarte